Diretor de Transportes relata situação caótica deixada pela antiga gestão de Pedreiras.

Dando sequência ao desejo da prefeita Vanessa Maia, de uma gestão transparente, o diretor do Departamento de Transportes do Município, Miguel Leite, participou do Programa Tribuna 101, nesta quarta-feira, 13, e fez um desenho de como encontrou o Departamento.

O prédio que funcionava como garajão, era alugado, segundo Miguel, escondia uma triste realidade, que passou despercebida por muitos pedreirenses. ” Lamentável a falta de zelo com o dinheiro público, que deveria ser aplicado em manutenções para a frota de carros do município”, disse.

Miguel destacou que já foram tomadas algumas ações pela gestão Tempo de Reconstruir. Já nos primeiros dias, foi feita a mudança desse garajão, para um terreno próprio do município, gerando assim a economia do recurso do FUNDEB ( Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica) que de acordo com o diretor, era usado pela gestão passada para pagar os aluguéis.

Além disso, foram encontrados inúmeros veículos já sem condições de uso, outros sem baixa no IPVA, e com valores altíssimos, referentes a multas , como uma ambulância que tem 68 multas, que irá custar aos cofres públicos de Pedreiras, R$ 12.272.89.

Miguel adiantou que os veículos serão leiloados, e as demais situações serão enfrentadas com o intuito de revolvê-las.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*